mundo


19/08/09 - 16h09 - Atualizado em 19/08/09 - 16h10

Componentes da maconha podem frear câncer de próstata, segundo pesquisa


Madri, 19 ago (EFE).- Um grupo de pesquisadores da Universidade de Alcalá de Henares, em Madri, descobriu que os componentes qu*micos da folha de maconha podem deter o crescimento de células cancer*genas na próstata.


A pesquisa, desenvolvida pela professora de Bioqu*mica e Biologia Molecular Inés D*az-Laviada e outros pesquisadores da instituição, foi publicada na última edição da revista cient*fica "British Journal of Cancer".

Segundo os cientistas, os efeitos dos componentes qu*micos da Cannabis, denominados cannabinoides, podem atuar contra o câncer de próstata bloqueando a multiplicação das células cancer*genas.

Inés explica que estes componentes qu*micos "podem deter a divisão e o crescimento das células de câncer de próstata e poderiam se transformar no alvo de novas pesquisas com eventuais medicamentos para o tratamento dos tumores na próstata".

O trabalho de sua equipe se baseou em dois tipos de cannabinoides - o Methanandamide e o JWH-015 -, que foram aplicados juntos e separadamente sobre as células cancer*genas.

No artigo, a diretora de informação de câncer da organização "Cancer Research UK", Lesley Walker, adverte aos pacientes sobre os malef*cios de fumar maconha, mas afirma que a pesquisa é "muito interessante".

"Abre uma nova via para explorar potenciais funções de drogas em um estágio muito cedo do câncer de próstata, mas não demonstra que os homens possam lutar contra o câncer de próstata fumando maconha", afirma Walker.

A especialista acrescenta que é necessário fazer pesquisas adicionais para explorar o potencial dos cannabinoides nos tratamentos.

EFE


http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/0...+PESQUISA.html



--LEQ

LEGALIZE, REGULE, EDUQUE, e MEDIQUE